image

Autoconhecimento de verdade através de Curso Xamanismo na Prática

Durante muitos anos, a Ayahuasca foi motivo de preconceito e dúvidas quanto às suas propriedades curativas. Com o passar do tempo, os estudos da cosmogonia que compõe princípios, sejam eles religiosos, míticos ou científicos, tem ajudado a explicar os aspectos acerca da origem do ser e do universo a partir das práticas xamânicas. Hoje em dia, cresce o número de adeptos que utilizam o poder fitoterápico não só para buscar a cura de enfermidades, como também para desenvolver o autoconhecimento.

E é justamente na cosmogênese, em quem os modelos relacionados com a existência do cosmos, por meio da sensciência, permite os seres humanos em ter a capacidade de experimentar sensações e sentimentos de forma consciente. Talvez, por isso que ao atingir um determinado nível de consciência durante o processo do xamanismo, é comum as pessoas sentirem dor, frio, prazer, conforto ou desconforto, confundindo-se muitas vezes com sentimentos bons ou ruins. E isso pode assustar quem não está preparado ou quem faz uso indiscriminado ou fora de um ambiente apropriado com as devidas precauções e cuidados.

Com formação profissional pela Universidade Holística do Brasil – UHB, em Maria da Fé – MG, a Terapeuta Clínica Angélica Antônio oficializou, há 4 anos, o Centro Xamânico Pena Vermelha. Considerado por muitos adeptos do Xamanismo como um lugar sagrado, entre as montanhas de São Francisco Xavier, no interior de São Paulo, o ambiente recebe uma preparação especial pela Angélica que auxilia na restauração das funções institintivas adormecidas na cura do trauma, como também a recuperação dos elos de parentesco ancestral entre homens e animais com sua fonte de poder.

Esse compromisso de estar a serviço da humanidade, procurando sempre organizar o caos ao compactuar com o Divino, faz parte do aprendizado adquirido pelo estudo do xamanismo que agora, o Centro Xamânico busca passar adiante técnicas de autoconhecimento e bem estar.

Foto: Arquivo – Centro Xamânico Pena Vermelha

O Xamanismo na Prática será um Curso sobre Neoxamanismo com técnicas ancestrais usadas nos dias atuais.

No total, serão 11 encontros, realizados em um final de semana por mês, com inicio no sábado a tarde e encerramento no domingo após o almoço.

Na noite de sábado o Centro realiza com os alunos um ritual fechado com as medicinas da floresta Ayahuasca e Rapé medicinal opcionalmente, para auxiliar na busca do conhecimento, do autoconhecimento, da cura e de melhor entendimento da vida.

Com vagas limitas e entrevista com os candidatos, o curso irá oferecer diversas experiências, como o Encontro com seu Animal de Poder (totem animal), Objetos Sagrados e de Poder do Xamã, Roda da Medicina, Benzimento e Poder das Ervas,  as 4 Nobres Direções, Ritual do Cachimbo Sagrado, Jornadas de um Xamã, Purificação do EU Espiritual, Limpeza Energética, entre outros, além de muita troca de experiências e transformação de vida.

Cada encontro terá um assunto específico relacionado com o xamanismo.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA DO TERCEIRO CURSO DE XAMANISMO NA PRÁTICA:

06/07- Fevereiro
Introdução ao xamanismo, Animais de poder, objetos sagrados, etc

13/14 – Março
Medicinas da floresta

17/18 – Abril
As 4 nobres direções e seus Arquétipos (daremos inicio a 2 nobres direções e a construção do escudo de proteção do xamã)

15/16 – Maio
Continuação dos estudos sobre as 4 nobres direções (estudaremos mais 2 direções e seus Arquétipos)

05/06 -Junho
Benzimentos e o poder das ervas

16/17 – Julho
Limpeza energética

07/08 – Agosto
Medicina do Resgate de Almas

04/05 – Setembro
O nobre caminho do Eu Superior

02/03 – Outubro
A grande Mãe

05/06 – Novembro
Feitio da Medicina do Rapé

11/12 -Dezembro
Tenda do Suor e encerramento do curso

Todos eles trazem estudos teóricos na pratica e o participante poderá usar essas técnicas para seu trabalho, sua melhor qualidade de vida e dos seus semelhantes.

Mais Informações: Página Oficial Centro Xamânico Pena Vermelha (Facebook) ou WhatsApp  (12) 981 36 56 92


Fonte: Jornalismo Colaborativo